GAMES COMO FERRAMENTA ESTRATÉGICA DE BUSCA E MONITORAMENTO DE INTELIGÊNCIA COMPETITIVA: UM ESTUDO DE CASO SOBRE O POKÉMON GO

Francielle Jacobino, Carlos Francisco Bitencourt Jorge

Resumo


Diante de um cenário de mercado altamente competitivo, instável e com constantes mudanças, sociais, políticas, econômicas e principalmente tecnológicas, a informação torna-se um ativo de grande valia para a organização. A gestão correta de informações, vem sendo utilizada como ferramenta estratégica para muitas organizações, onde através da Inteligência Competitiva (IC) é possível captar e organizar as informações auxiliando no processo de tomada de decisão. O estudo aponta os games como ferramenta para esse processo de busca e monitoramento de informações, já que os jogos fazem parte de todas gerações, de uma forma diferente em cada uma delas. Desta forma, foram realizadas pesquisas bibliográficas acerca dos conceitos de games e inteligência competitiva, onde foi possível demonstrar como os games podem ser utilizados como ferramenta estratégica na busca e monitoramento de IC. Foi feito ainda, um estudo acerca do jogo Pokémon Go, e como este jogo pode ser utilizado como ferramenta de prospecção e monitoramento de informações, ou seja, o processo de inteligência competitiva.

 

ABSTRACT

GAMES AS A STRATEGIC TOOL FOR SEARCH AND MONITORING OF COMPETITIVE INTELLIGENCE: A case study on Pokémon Go

 

Faced with a highly competitive market scenario, unstable and with constant changes, political, economic and mainly technological, a product becomes a valuable asset for an organization. The correct management of information has been used as a strategic strategy for many organizations through Competitive Intelligence (CI) and it is possible to organize and organize as information facilitating any decision making process. The study of games as a tool for this process of searching and monitoring information, since the games are part of all generations, in a different way in each one of them. In this way, bibliographic researches on game concepts and competitive intelligence were carried out, where it was possible to demonstrate how games can be used as a strategic tool in the search and monitoring of CI. It was also done, a study on the Pokémon Go game, and how this game can be used as a competitive intelligence monitoring and tracking tool.

 


Palavras-chave


Games, Inteligência Competitiva, Pokémon Go; Games, Competitive Intelligence, Pokémon Go

Texto completo:

PDF

Referências


ARBACHE, Fernando. Do War Game ao Business Game: Táticas de Guerra Como Ferramenta de Tomada de Decisão, 2012. Disponível em: Acesso em: 24 maio 2017.

AZARITE, Ricardo. Gamification: como gerar engajamento com jogos nas redes sociais. 2013. Disponível em: . Acesso em: 20 maio. 2017.

BATTAGLIA, M. da G. B. A inteligência competitiva modelando o sistema de informação de clientes – FINEP. Ciência da informação, Brasília, v.28, n.2, maio/ago.1999. Disponível em: Acesso em: 18 maio. 2017.

CANONGIA, C. Sistema de inteligência: uso da informação para dinamização, inovação e competitividade. In: SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE PROPRIEDADE

INTELECTUAL, INFORMAÇÃO E ÉTICA, 1, 1998, Florianópolis, Anais eletrônicos...Florianópolis: UFSC, 1998. Disponível em: . Acesso em: 20 mai. 2017.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 1996.

GRAMIGNA, M. R. M..Jogos de empresa. São Paulo: Makron Books, 1994.

HUIZINGA, J., 1971. Homo ludens: o jogo como elemento da cultura. São Paulo: Perspectiva.

JOHNSON, ArikR..Using Knowledge Management as a Framework for Competitive Intelligence. 1998. Disponível em: . Acesso em 16 maio. 2017.

JORGE. C. F. B.; SUTTON, M.J.D. GAMES COMO ESTRATÉGIA NA CONSTRUÇÃO E GESTÃO DO CONHECIMENTO NO CONTEXTO DA INTELIGÊNCIA ORGANIZACIONAL. Perspectivas em Gestão & Conhecimento, v.6, n.especial, 2016. Disponível em: . Acesso em: 13 maio. 2017.

MCGONIGAL, J. Realidade em jogo: por que os games nos tornam melhores e como eles podem mudar o mundo. Rio de Janeiro: Best Seller, 2012.

MILGRAM, P. et al. Augmented Reality: A Class of Displays on the RealityVirtuality Continuum. Telemanipulator and Telepresence Technologies, SPIE, v. 2351, 1994.

KAPP, K. M. The gamification of learning and instruction: game-based methods and strategies for training and education. John Wiley& Sons, 2012. 302p.

Gamification, Inc : como reinventar empresas a partir de jogos /Ysmar Vianna ... [et al.]. — 1. Ed. – Rio de Janeiro: MJV Press, 2013. 116p. [e-book].

HISTÓRIA do Pokémon Go. Disponível em: . Acesso em: 24 maio. 2017.

O‟BRIEN, J. A. Sistemas de informação e as decisões gerenciais na era da internet. São Paulo: Saraiva, 2002. 436p.

PAIVA, C. C. S.; SILVA, M. A. S. G. Processos de inteligência competitiva em organizações empresariais. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO (ENANACIB), 11., Rio de Janeiro, 2010. Anais... Rio de Janeiro, ANCIB, 2010.

PALOP, F. VICENTE GOMILA, J. M. A. Vigilancia tecnológica e inteligência competitiva: su potencial para la empresa española. Madrid, Espana: Fundación COTEC para laInnovaciónTecnológica, 1999. 107p.

'POKÉMON Go' é máquina de coleta de dados, alerta especialista. Disponível em: . Acessoem 24 maio. 2017.

PRAHALAD, C. K.; HAMEL, G. The core competence of the corporation. Harvard Business Review, Boston, v. 68, n.3, p.79-91, May/Jun. 1990.

VALENTIM, M. L. P. Inteligência competitiva organizacional: ferramenta ou processo?. In: I Congresso Ibero-Americano de Gestão do Conhecimento e Inteligência Competitiva, 2006, Curitiba. Anais do I Congresso Ibero-Americano de Gestão do Conhecimento e Inteligência Competitiva. Brasília : Instituto de Tecnologia para o Desenvolvimento, 2006. p. 1191-1202. Disponível em: . Acesso em 18 maio. 2017.

VALENTIM, M. L. P. et al. O processo de inteligência competitiva em organizações..DataGramaZero, Rio de Janeiro, v.4., n.3, jun. 2003. Disponível em: Acesso em: 27 maio. 2017.

ZICHERMANN, Gabe; CUNNINGHAM, Christopher. Gamification by Design. Implementing Game Mechanics in Web and Mobile Apps. Canada: O’Reilly Media, 2011.




DOI: https://doi.org/10.24883/ric.v7i3.265

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



 Atelier Brasil
Rua Pe. Guilherme Pompeu, 01, Centro
06501-055, Santana de Parnaíba, São Paulo, Brazil
(e-ISSN 2236-210X – DOI 10.24883)

Contato institucional: profdrpassos@gmail.com.br



  Indexadores e Diretórios                    
             


SitesCRASPDOMÍNIO PÚBLICO CAPES l IAFIE l SCIP l IAFIE l USP l FMU  l ABRAIC SEER/IBICT  l ISSN l EventosANPAD l NormasABNT

 

                                                                              Visualização no Brasil e no Mundo por localização e período