Conectando Startups Abertas às Áreas de P&D das Grandes Empresas

patricia mari matsuda, Gabriela Valim

Resumo


Essa pesquisa tem por objetivo mapear e estudar as formas de interação organizacional das grandes empresas, as quais se alteram com a abertura do conhecimento para além de suas fronteiras, com a chamada inovação aberta. Pesquisou-se os agentes das startups - os empreendedores, e como essa dinâmica de relação com o P&D das grandes empresas vêm alterando a dinâmica de suas relações. Sobre as grandes empresas, verificou-se quais são as estratégias utilizadas nas mesmas para gerar inovação e, por fim, esse estudo teve aplicação empírica, no Desafio Brasil especificamente no programa 100 Open Startups, principal concurso de inovação aberta no país que viabiliza a conexão, por meio de uma plataforma de comunicação, entre startups de sucesso com áreas de P&D das grandes empresas, como resultado, se têm a geração de inovação aberta entre startups e grandes empresas. A presente pesquisa contribuiu para a construção do conhecimento sobre inovação aberta no Brasil.


Palavras-chave


inovação aberta, startups, empreendedores

Texto completo:

PDF

Referências


CHESBROUGH, H. (2012). Inovação Aberta: Como criar e lucrar com a tecnologia. Porto Alegre: Bookman.

CHESBROUGH, H. (2000). Designing Corporate Ventures in the Shadow of Private Venture Capital. California Management Review, v. 42, p. 31-49. Recuperado de http://www.cmr.berkeley.edu.

DESAFIO BRASIL. (2015). Movimento Open Startups. São Paulo. Recuperado de

GIL, A.C. (2002). Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Editora Atlas.

GIL, A.C. (2009). Estudo de Caso. São Paulo: Editora Atlas.

RIES, E. (2011). The lean startup: how today's entrepreneurs use continuous innovation to create radically successful businesses. New York: Crown Business.

RONDANI, B, COLONNA, C. (2014). Open Startups: connecting startups to corporate R&D. São Paulo: Wenovate.

RONDANI, B., ANDREASSI, T., & BERNARDES, R.C. (2013). Microfoundations for Open Innovation: is effectuation a valid approach for open innovation managers. Revista Gestão e Conexões, v. 1, p. 94-115. Recuperado de

SCHUMPETER, J. A. (1997). Teoria do desenvolvimento Econômico: Uma investigação sobre lucros, capital, crédito, juro e o ciclo econômico. São Paulo: Editora Nova Cultural.




DOI: http://dx.doi.org/10.24883%2Fric.v9i2.320

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.


 Atelier Brasil
Rua Pe. Guilherme Pompeu, 01, Centro
06501-055, Santana de Parnaíba, São Paulo, Brazil
(e-ISSN 2236-210X – DOI 10.24883)

Contato institucional: profdrpassos@gmail.com.br



  Indexadores e Diretórios                    
             


SitesDOMÍNIO PÚBLICO CAPES l IAFIE l SCIP l IAFIE l USP l FMU  l ABRAIC SEER/IBICT  l ISSN l EventosANPAD l NormasABNT

 

Visualização no Brasil e no Mundo por localização e período: