A INTERNACIONALIZAÇÃO DE EMPRESAS BRASILEIRAS COMO FORMA DE VANTAGEM COMPETITIVA NA ERA DA GLOBALIZAÇÃO

Alexandre Pinchemel Cerqueira Costa, Luiz Carlos Gambetta

Resumo


A competitividade tornou-se um fator decisivo no cenário contemporâneo em meio ao processo de rápida mudança tecnológica e de globalização. O objetivo deste artigo é analisar como se deu e quais efeitos trouxeram o processo de internacionalização de empresas brasileiras na Era da Globalização. O estudo é baseado em livros, pesquisas exploratória e quantitativa e outras fontes disponíveis. Os resultados mostraram que foi benéfico a abertura de mercado com a política do neoliberalismo e constatamos que a internacionalização de empresas é uma forma estratégica que lhes permite ampliar as fronteiras da rentabilidade e da competitividade, seja em termos de custos de mão de obra, capital, inovação dos processos administrativos e novas tecnologias. Muitas empresas já não têm espaço para crescer no mercado nacional e escolhem o território estrangeiro como alternativa de maior crescimento.

Palavras-chave


Empresas brasileiras competitivas. Globalização. Internacionalização.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.24883/ric.v6i4.198

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



 Atelier Brasil
Rua Pe. Guilherme Pompeu, 01, Centro
06501-055, Santana de Parnaíba, São Paulo, Brazil
(e-ISSN 2236-210X – DOI 10.24883)

Contato institucional: profdrpassos@gmail.com.br



  Indexadores e Diretórios                    
             


SitesCRASPDOMÍNIO PÚBLICO CAPES l IAFIE l SCIP l IAFIE l USP l FMU  l ABRAIC SEER/IBICT  l ISSN l EventosANPAD l NormasABNT

 

                                                                              Visualização no Brasil e no Mundo por localização e período